/ Jesus

Jesus, a Luz do crente

Não é raro encontrarmos cristãos envolvidos até o último fio de cabelo com o mundo, seus prazeres e práticas carnais.Menos raro ainda é ouvirmos a típica frase: “Ainda diz que vai na igreja!”.

Mas nem todos aqueles que afirmam ser servos de Deus realmente são!

Primeiro, para o verdadeiro cristão o Senhor Jesus não é apenas seu Senhor e Salvador, mas também é a Luz para seu caminho.

“Eu sou a luz do mundo; quem me segue de modo algum andará em trevas, mas terá a luz da vida” (João 8.12)

O que isso significa? Se eu ou você como servos de Deus afirmamos servi-lO, mas andamos em trevas não há verdade em nosso testemunho e, muito menos, comunhão entre nós e Deus (1 Jo 1.6; 2.4-6).

Se eu digo que sou filho de Deus e servo de Jesus Cristo tenho a obrigação de andar como Ele andou e como as Sagradas Escrituras determinam (Rm 13.13-14; Cl 2.6; 1 Jo 2.6 e 1 Jo 3.24).

Se andarmos na Luz teremos comunhão com nossos irmãos. Somente através de uma comunhão verdadeira com Deus podemos alcançar esta comunhão e paz com os outros filhos do Reino (1 Jo 1.7; 2.10 e 3.16-17).

É através das nossas ações e frutos que somos diferenciados dos filhos das trevas (1 Jo 2.3-6; 3.6-10).

Nossa vida, nossas falas e a maneira que nos portamos diante das circunstâncias determinam em qual lado estamos vivendo.

Se seus pensamentos estão sempre tendenciados a seguir aquilo que desagrada a Deus então, infelizmente, você pode estar dentro da Igreja, pode pregar, orar, cantar, mas o Reino dos Céus não lhe pertence.

Porém se o seu coração procura, a todo momento, agradar ao Senhor Jesus pode ter certeza que há um espaço para ti no Reino Eterno. Pense nisto!

Jamil Filho

Jamil Filho

Cristão por livre escolha, salvo pela graça, servo de Cristo Jesus, eterno estudante de teologia, fundador e editor do Euaggelion.

Ler mais