/ Defesa da Fé

Nova Era

Não é muito raro ouvirmos acerca da Nova Era, New Age ou Era Aquariana, mas o que na realidade seria isso, quais são seus objetivos, dogmas e princípios e o que a Bíblia diz sobre este assunto? É o que veremos neste post, confiram!

A Nova Era é um termo novo, que surgiu há poucas décadas, é amplamente difundida em filmes, desenhos e revistas, porém seus princípios se pautam em antigas religiões orientais, ou seja, a Nova Era é, na realidade, uma roupagem nova para antigas seitas.

Os verdadeiros cristãos devem permanecer em alerta para não serem enganados pelas sutilezas desta armadilha antibíblica, pois seus conceitos são totalmente opostos a Deus e a Bíblia. Vejamos um pouco mais:

A Nova Era não acredita no Fim dos Tempos:

Segundo a Nova Era a História da humanidade é dividida em quatro eras: infância, adolescência, juventude e a maturidade.

  • A primeira é a Era de Touro, foça bruta (4304-2154 a.C.);
  • A segunda é a Era de Carneiro, período em que surgiu o povo judeu e a Bíblia (2154-4 a.C.);
  • A terceira é a Era de Peixes (4 a.C.-2146 d.C.) que é a Era Cristã em que vivemos;
  • E a quarta e última era é a Era de Aquário, quando os homens se “tornaria deuses” (2146-4296 d.C.), depois dessa era viria outra era na qual a humanidade viveria em completa paz e harmonia.

Tais princípios ganharam muita força na sociedade atual, pois se trata de um mundo melhor, porém sem Deus. A Nova Era afirma que o homem, sem Deus, é totalmente capaz de mudar o mundo, se isso fosse verdade não estaríamos vivendo em um mundo “tão droga” como este!

Conceitos vitais como pecado, Salvação, céu e inferno não são abordados pelos adeptos da Nova Era, cumprimento do que está registrado em Apocalipse 9.21, que diz acerca das últimos dias, tempos em que as pessoas não desejarão se arrepender e não reconhecerão a sua necessidade de Salvação nem seu estado deplorável de pecado.

A Bíblia ao contrário das falácias novaerenses, afirma que haverá o fim dos tempos, o ponto final e o encerramento da História da humanidade, tempo em que os ímpios serão condenados e os justos serão salvos, não por serem deuses, mas sim por crerem e por entregarem suas vidas para Jesus Cristo (Mt 24-25; Jo 3.16).

A Palavra de Deus retrata sim uma nova era, porém está será o Milênio (Is 2.2-4; 10.1-10; Ap 20.4,6), um período de mil anos em que Jesus reinará sobre a Terra juntamente com sua Igreja.

O conceito de Deus na Nova Era:

O Deus pessoal que conhecemos não existe na Nova Era, os novaerenses proclamam um mundo sem Ele, no qual tudo é deus e deus é tudo, o panteísmo, um total absurdo, pois Deus não faz parte da criação, pelo contrário  Ele é o criador de todo o Universo e o governador de tudo (Is 44.24).

Para a Nova Era o homem é bom por natureza, o que não é verdade (Ef 2.3), pois necessitamos da Salvação que é alcançada por meio da fé em Cristo Jesus. Além disso, os seres humanos, segundo esta corrente herética, possuem um “potencial infinito”, isto baseado na utopia de que o homem é um deus, pensamento este que levou Lúcifer à queda, bem como Adão e Eva, pois eles, assim como todos que pensam tal coisa, deixam o orgulho levá-los a tentar Deus.

O ecumenismo e a Nova Era:

As ideias novaerenses defendem a união de todas as religiões em apenas uma, porém o ecumenismo religioso desagrada a Deus, pois só há Salvação em Jesus Cristo (Jo 14.6; 1Tm 2.5), além disso o pensamento ecumênico será amplamente defendido e difundido durante o governo do Anticristo sendo, portanto, um ideal satânico.

Por isso aqui vai um alerta para os pastores e evangélicos que acham normal a união entre a Igreja Protestante e as demais religiões, SAIA DISTO!!! Pois tal pensamento não tem parte com Deus, ou você acha que pode comer da mesa de Deus e da mesa dos demônios? (Rm 10.21).

O ocultismo na Nova Era:

Os fundamentos da Nova Era estão apoiados na parapsicologia e no hinduísmo e sustenta práticas ocultistas. Se você, como cristão, acha que utilizar objetos místicos e esotéricos (como incenso, sinos de vento, anjinhos, fadinhas, velas, pirâmides etc.) é normal então há algo errado, pois todas as práticas ocultistas, principalmente a literatura, filmes e músicas que honre a Satanás, desagrada e muito ao nosso Senhor Deus (Dt 18.10-13).

Devemos, portanto, tomar muito cuidado com tais pensamentos que, neste últimos anos, têm ganhado força, pois todos eles, sem nenhuma exceção, são caminhos de morte! Venhamos seguir apenas a Jesus Cristo e a sua Palavra Verdadeira!

(Artigo baseado na lição número 6 da revista Juvenis, aluno 8, CPAD, comentada por Silas Daniel).

Jamil Filho

Jamil Filho

Cristão por livre escolha, salvo pela graça, servo de Cristo Jesus, eterno estudante de teologia, fundador e editor do Euaggelion.

Ler mais