/ Deus

Devocional #156 (Salmo 119.172-174)

“A minha língua falará da tua palavra, pois todos os teus mandamentos são justiça. Venha a tua mão socorrer-me, pois escolhi os teus preceitos. Tenho desejado a tua salvação, ó SENHOR; a tua lei é todo o meu prazer.” (Salmo 119.172-174)

Nestes três versículos encontramos o objeto central da vida do salmista e, que deve ser o da nossa vida também. A Palavra de Deus.

Ele primeiramente declara que em sua língua a Palavra do Senhor permanecerá “A minha língua falará da tua palavra…”. Sua preocupação está em anunciar a justiça presente nas Sagradas Escrituras.

No versículo seguinte ele clama por socorro por parte do Senhor Deus e declara “…escolhi os teus preceitos”, percebam que o fato dele dizer que escolheu os mandamentos do Senhor e, anteriormente clamar por socorro, nos mostra que, por conhecer a Palavra de Deus e a sua justiça, ele sabe que, nela, encontrará repouso e segurança.

E, após declarar seu compromisso em manter a Palavra do Senhor em sua boca, em clamar por socorro, ele declara que a Palavra do Senhor e a Salvação são seu maior prazer.

Se mantivermos em nossos corações acesa a chama da Palavra de Deus e confiarmos nos mandamentos eternos, nosso maior desejo será estar continuamente ao lado do Senhor Deus.

Fique na Paz de Cristo Jesus, que Deus vos abençoe.

Jamil Filho

Jamil Filho

Servo de Cristo Jesus, proclamador das Boas Novas, fundador e editor do Euaggelion.

Ler mais