Aquele que se ajunta ao Senhor

“Mas o que se ajunta com o Senhor é um mesmo espírito” (1 Coríntios 6:17)

Nesta manhã meditaremos um pouco acerca do que o Apóstolo Paulo nos escreveu referente à decisão de se aproximar do Senhor Deus.

Nos versículos anteriores e seguintes Paulo escreve acerca das implicações da prostituição, no versículo 16 ele alerta que “…o que se ajunta com a meretriz, faz-se um corpo com ela […]”.

E assevera que se tal pecado for cometido por um cristão ele estará atacando, diretamente, a pessoa do Espírito Santo, uma vez que nós somos templos do Santo Espírito de Deus (1 Coríntios 6:19).

Diante da seriedade deste tema o Apóstolo Paulo insere o versículo que destacamos no devocional de hoje “[…] o que se ajunta com o Senhor é um mesmo espírito”.

Assim como o homem e a mulher se tornam uma única carne, os cristãos se tornam participantes do mesmo espírito.

Percebam que ele não declara que nos tornamos um com Deus, pois este atributo é incomunicável para qualquer ser fora da Trindade, no entanto, ele declara que somos um mesmo espírito.

Ou seja, uma vez renovados e lavados pelo sangue de Cristo Jesus e sendo morada do Espírito Santo passamos a comunicar com Ele, a pensar com Ele, a andar com Ele. Não somos um mesmo espírito com Deus, mas andamos num mesmo espírito.

Não é maravilhoso saber que Deus nos proporciona esta dádiva de chama-lo “Meu Deus” e Ele nos chamar de “Meu povo”?

Se aproxime de Deus, pois aquele que se ajunta ao Senhor torna-se participante das glórias eternas.

Que Deus lhe abençoe, fique na Paz de Cristo Jesus.