Devocional #122 (Salmo 119.130)

“A entrada das tuas palavras dá luz, dá entendimento aos símplices” (Salmo 119.130)

O salmista declara, novamente, que a Palavra do Senhor e seus mandamentos são a sua fonte de entendimento e sabedoria. Meditamos diversas vezes em versículos deste salmo que afirmam a mesma coisa.

Se desejamos ser sábios e compreender as verdades bíblicas devemos, não apenas clamar ao Senhor Deus por sabedoria e discernimento, mas também meditar nas Sagradas Escrituras e em seus ensinamentos.

“Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite” (Salmo 1.1)

Já abordamos este assunto, no entanto, devemos colocar em nossa mente que, quando o salmista, tanto do Salmo 1 quanto do 119, diz em meditar na Palavra de Deus e, neste versículo em especial, “a entrada das tuas palavras” ou “a exposição das tuas palavras”, devemos discernir como sendo a prática constante do que aprendemos nas Sagradas Escrituras.

Claro que um período de meditação diária é extremamente importante, no entanto devemos ter em mente que de nada adianta ler se não a praticamos se não meditamos na lei do Senhor de dia e de noite.

Se tomarmos esta postura de, não apenas ler, mas praticar aquilo que lemos e buscarmos a vontade de Deus em nossas vidas, com toda certeza receberemos de Deus o  entendimento e a luz para nossos dias.

Que o Senhor Deus vos abençoe grandemente, fique na paz de Cristo Jesus.