Devocional #129 (Salmo 119.137-138)

“Justo és, ó SENHOR, e retos são os teus juízos. Os teus testemunhos que ordenaste são retos e muito fiéis.” (Salmo 119.137-138)

Após declarar sua angústia por aqueles que não vivem de acordo com a Lei e os Mandamentos de Deus o salmista o louva, pois “retos são os teus juízos”.

“Os teus testemunhos que ordenaste são retos e muito fiéis.”

Prova da fidelidade dos mandamentos de Deus se encontra no Sacrifício de Cristo Jesus na Cruz do Calvário a fim de nos garantir a possibilidade de nos achegarmos a Deus novamente.

Nossa esperança e confiança na Palavra de Deus não deve estar firmada, não naquilo que desejamos, mas sim naquilo que está escrito, na promessa de Salvação eterna e de que, um dia, haveremos de estar eternamente ao lado de Cristo Jesus e do nosso Senhor Deus.

No entanto, o salmista ao declarar “Justo és, ó SENHOR, e retos são os teus juízos” não se refere apenas à fidelidade de Deus para salvar aqueles que nEle confia, mas também na certeza de que Ele se assentará como juiz para julgar eternamente aqueles que desprezaram a possibilidade de Salvação por meio de Cristo Jesus.

A Palavra do Senhor é fiel e, mesmo que não recebamos nada em vida, somente pela certeza de que temos uma morada eterna nos céus já é um grande motivo para nos alegrarmos e exaltarmos ao Senhor.

Que Deus vos abençoe, fique na Paz de Cristo Jesus.