Devocional #156 (Salmo 119.172-174)

“A minha língua falará da tua palavra, pois todos os teus mandamentos são justiça. Venha a tua mão socorrer-me, pois escolhi os teus preceitos. Tenho desejado a tua salvação, ó SENHOR; a tua lei é todo o meu prazer.” (Salmo 119.172-174)

Nestes três versículos encontramos o objeto central da vida do salmista e, que deve ser o da nossa vida também. A Palavra de Deus.

Ele primeiramente declara que em sua língua a Palavra do Senhor permanecerá “A minha língua falará da tua palavra…”. Sua preocupação está em anunciar a justiça presente nas Sagradas Escrituras.

No versículo seguinte ele clama por socorro por parte do Senhor Deus e declara “…escolhi os teus preceitos”, percebam que o fato dele dizer que escolheu os mandamentos do Senhor e, anteriormente clamar por socorro, nos mostra que, por conhecer a Palavra de Deus e a sua justiça, ele sabe que, nela, encontrará repouso e segurança.

E, após declarar seu compromisso em manter a Palavra do Senhor em sua boca, em clamar por socorro, ele declara que a Palavra do Senhor e a Salvação são seu maior prazer.

Se mantivermos em nossos corações acesa a chama da Palavra de Deus e confiarmos nos mandamentos eternos, nosso maior desejo será estar continuamente ao lado do Senhor Deus.

Fique na Paz de Cristo Jesus, que Deus vos abençoe.